Maquiagem: Rímel Maybelline Pumped Up Colossal

Maybelline

O rímel Pumped Up Colossal da Maybelline não é exatamente a maior novidade do momento, porque ele saiu nos Estados Unidos em abril, mas como ainda não chegou aqui, e é o último rímel que a marca lançou, acho que ainda vale a pena comentar sobre ele, porque muita gente ainda nem ouviu falar do produto.

Maybelline_pumped_F

A maioria das brasileiras é apaixonada pelos rimeis da marca. O meu rímel preferido da Maybelline é o One By One, e pelo que eu vi esse parece um pouco com o estilo do One, mas com a escova diferente. Segundo a marca, esse novo rímel promete dar 16x mais volume (o que ok, a gente sabe que não é bem verdade). Eu ainda não testei, mas o que todas as meninas que testaram comentaram é que a escovinha dele é bem grande, o que eu geralmente gosto porque dá um volume bem maior.

Maybelline_pumped_v2_F

 

Eu assisti a vários vídeos de resenhas e também vi vários blogs antes de fazer o post pra ver o que a maioria das meninas que testou achou, e pelos comentários, parece ser realmente bom. Apenas duas falaram que não gostaram porque empelotou.

Foto lonestarstuffbeauty.com

Eu adorei a escovinha dele! Ele tem duas bolinhas na haste para controlar a quantidade de produto que chega até as cerdas. (Foto do lonestarstuffbeauty).

Nos Estados Unidos ele custa em torno de U$ 7,00, U$ 8,00, e aqui no Brasil o rímel ainda não chegou, e nem tem previsão de vinda pra cá. Mas eu achei pra comprar nessa loja online por R$17. Nunca comprei nesse site, mas enfim, só pra vocês saberem que tem aonde comprar aqui.

Eu sempre acho que a melhor maneira de ver o que o produto faz é por vídeo, então assisti vários e separei os que eu achei que mostram melhor o que o rímel faz. Uma pena que não tinha nenhum em português, mas enfim.

Nesse aqui os cílios dela ficaram ENOORMES! Dá vontade de comprar na hora o rímel.

Eu fiquei bem curiosa pra testar, porque eu sou a louca do rímel. Tenho vários e nunca estou satisfeita. Não sei se esse é revolucionáário, se realmente deixa os cílios enormes do jeito que eu gosto, mas acho que é um que vale a pena tentar.

Resenha: Baby Lips da Maybelline

Finalmente chegou ao Brasil o hidratante labial (lip balm) da Maybelline, o Baby Lips. Dizem que é o mais vendido nos Estados Unidos, e como lá tem muita opção, isso deixa a gente meio ansiosa pra testar o produto, né? O balm promete lábios reparados em uma semana, e 81% mais macios, 76% mais hidratados e 73% mais protegidos.

Baby Lips 1

O Baby Lips contém: Centelha Asiática, que favorece a produção de colágeno, reparando os lábios, Vitamina E, antioxidante que age na nutrição dos lábios, Manteiga de Karité e Extrato de Aloe Vera. Eles chegaram aqui em seis versões, três coloridos e três incolores (o que eu comprei é o Hydra Care, que é incolor). Os coloridos são o Cherry Me, Pink Punch e Peach Kiss. Apesar de o Cherry Me parecer ser um rosa forte na embalagem, quando você passa fica bem clarinho. E eu não sei, mas não gosto muito de balm colorido. Parece que os incolores funcionam melhor pra mim.

Baby Lips 2

Eu gostei muuito do Hydra Care. Dá realmente pra ver a diferença nos meus lábios, que são bem ressecados inclusive no verão, então agora que chegou o frio vocês imaginam como fica a situação. Eu geralmente usava o Med Protection da Nivea, aquele branquinho de bastão, e quando meus lábios estão bem secos eu uso o Carmex. Agora meio que deixei o da Nivea de lado e passo o da Maybelline e o Carmex.

Baby Lips 3

Fazendo uma comparação entre o da Nivia e o Baby Lips, o da Nivea quase não aparece na boca. Enquanto o Baby deixa a boca meio brilhosa. Pra mim não incomoda, mas é sempre legal falar porque tem gente que não gosta. Já o cheirinho do Hydra Care é de limão e manjericão (eu sei que lendo parece que é uma coisa ruim, mas não é nada forte e é bem agradável).

Baby Lips 4

O preço sugerido dele é de R$11,90. Aqui em Curitiba eu comprei o meu no Angeloni do Água Verde. Não lembro quanto eu paguei, porque faz umas semanas já, mas acho que era esse preço mesmo. Também encontrei pra vender na Panvel.

Assim gente, não é um produto incrivelmente maravilhoso, ele é bom, mas não faz milagre igual o Carmex. Eu gostei bastante e vou comprar de novo, porque preciso ter sempre um balm na boca senão eu fico arrancando aquelas “pelinhas” dos lábios, sabem? Então pra mim foi ótimo e recomendo pra quem gosta de hidratante labial.

Resenha: Batom Mangrove da coleção MAC Proenza Schouler

MAC PS1

Faz bastante tempo que eu não faço uma resenha aqui no blog, né? É que anda tudo tão corrido, gente. E eu nunca consigo me aguentar quando compro um produto novo. Eu sempre uso antes de conseguir tirar foto! Haha. Mas até que enfim deu certo! O batom que eu quero mostrar hoje pra vocês é o Mangrove da coleção limitada da Proenza Schouler para a MAC.

MAC PS2

O que eu adorei no batom é essa embalagem quadrada com a tampa toda colorida e a parte do batom em preto brilhante. Quem me conhece, ou entra sempre aqui no blog, sabe que eu amo os batons da marca, mas as embalagens normais são tão sem graça! (Foto tosca com flash pra vocês verem bem a cor do batom).

MAC PS7MAC PS6 MAC PS3

Pela primeira vez na vida, acho que as fotos capturaram bem a cor do batom. Ele é esse vermelho com fundo laranja assim como vocês estão vendo.

MAC PS4

Como ele é matte, ficam essas peles aparecendo na boca, então é sempre legar dar uma hidratada antes. Mas sempre que a gente pega um batom matte da MAC queremos saber se ele é matte super seco tipo o Ruby Woo, né? (tem gente que não gosta de batom tão seco, eu AMO!), mas enfim, não, ele não é tão seco.

MAC PS5

Eu comprei ele às cegas mesmo. Uma amiga vinha dos Estados Unidos pra cá no final de abril, bem quando eu tinha visto no Temptalia que ia lançar essa coleção, e pedi: “Traz qualquer um dessa coleção!”, e ela trouxe esse. A linha tem mais 3 cores, um nude, um roxo e um rosinha. Confiram aqui os swatches deles.

Minhas impressões gerais dele foram: É um batom bem bonito, mas não tem nada de muito especial. Ele dura bastante na boca, como quase todos os da marca. Ele só é daqueles complicadinhos para passar, tem que cuidar bastante pra não borrar, assim como a maioria dos batons vermelhos. Como é edição limitada (acho que mais pela embalagem diferente), ele é mais caro do que os outros, e custou US$ 22. O que dá uns R$48,65. Não sei se essa coleção vai chegar ao Brasil, não achei informação em lugar nenhum. Mas acho que se chegar vai ser tão caro que não vai valer a pena.

E vocês, o que acharam do batom?

Desejo do Dia: MAC Antonio Lopez Face/Coral Palette

MAC-Antonio-Face-9521

A MAC fez uma parceria com o artista plástico Antonio Lopez para criar a coleção MAC Antonio Lopez Collection for Fall 2013. Todos os produtos da linha vem com ilustrações lindíssimas pra guardar pra sempre. Essa coleção é composta por várias paletas de sombras, de batons, de pó para rosto, um espelho, um pincel para blush com nécessaire, uma nécessaire maior para guardar as maquiagens e uma bolsa. O produto que eu decidi mostrar nesse post é a paleta Coral para o rosto. A outra opção é a Pink, mas me apaixonei tanto por essa!

MAC-Antonio-Face-9520

Essa paleta reúne um bronzer, um iluminador e um blush. Achei todas as cores lindas e tô desejando muuito! Nos Estados Unidos vai custar $46 dólares. Se chegar aqui o preço vai ser tão absurdo, tô chutando R$250, que nem vai valer a pena. Mas desejar ainda não tá custando nada, né?

MAC-Antonio-Face-9523 MAC-Antonio-Face-9524

O bronzer, o iluminador e o blush na pele.

MAC-Antonio-Face-9525

Mas, como assim, usa a paleta toda na mesma maquiagem? Sim, gente! O bronzer usa pra fazer aquela maquiagem tipo Kim Kardashian modelando o rosto, o iluminador usa pra cima do blush, perto da área dos olhos (dá pra ver ali na foto) e o blush usa normal.

A coleção estará disponível nas lojas dos Estados Unidos no dia 12 de setembro, para venda internacional até o final do mês, e aqui no Brasil só Deus sabe. Neste link vocês podem conferir todos os produtos da linha.

Todas as fotos desse post são do Beautezine.

Resenha: BB Cream da Maybelline

bb cream claro

Fazia um tempão que eu queria fazer essa resenha pra vocês, mas eu estava sem tempo para tirar as fotos. Finalmente esse domingo consegui! Eu ganhei esse BB Cream da Maybelline da minha irmã faz um mês e realmente estou gostando do produto. O que eu uso é o mais claro, o Light. (No Brasil chama claro mesmo).

Tá, mas e aí Angélica, o que é esse BB Cream? Ele é um creme, tipo uma base bem levinha que tem várias funções, dependendo da marca. Esse da Maybelline tem FPS 30 (pra mim é ótimo porque sou bem branca e NUNCA lembro de passar protetor), tira a oleosidade da pele, se adapta ao tom da pele (claro que não adiantar comprar um bem mais escuro ou bem mais claro que o seu tom), hidrata, disfarça as imperfeições, suaviza a pele e ilumina. Eu realmente senti minha pele bem mais hidratada depois de uma semana de uso, mais ou menos.

bb cream 46747bb cream 874

O Light Medium da minha irmã e o Light. Aqui no Brasil só tem três opções, o claro, o médio e o escuro. Nos Estados Unidos são 5 opções de cores.

bb cream 2

Gente, quero deixar bem claro que esse produto não é pra ser uma base. Ele não tem toda aquela cobertura! É mais para o dia-a-dia, pra dar um aspecto mais legal pra pele sem todo aquele peso da base.

bbcreammm

A consistência dele é aquosa e ele é bem levinho.

compracao bb cream 3

As diferenças são bem pequenas, principalmente por fotos, mas dá pra ver que a pele está com um aspecto melhor, mais iluminada e uniforme. Os poros do nariz aparecem bem menos.

com bb cream e pó

Às vezes eu uso ele com pó por cima, e tenho usado antes de qualquer maquiagem, eu sinto que ele prepara bem mais a pele e segura o pó e a base por mais tempo. Os poros do nariz que apareciam bastante com a pele limpa ficaram invisíveis nessa foto com o BB Cream e o pó.

Como foi o primeiro que eu testei não sei se ele é o melhor, ouvi dizer que o da L’Oreal cobre bem mais, mas a minha intenção ao usar o BB Cream é realmente não parecer que tem maquiagem e que minha pele é bonitinha ‘sem nada’. Minha irmã pagou uns 7 dólares e pouco, só que aqui no Brasil custa uns R$29/30. Apesar de não ser um absurdo eu não sei se vale. Quando o meu acabar talvez eu acabe comprando um da Avon se for mais barato.

Aqui em Curitiba tem Maybelline em quase todas as farmácias, como a Nissei e a DrogaRaia, mas quem quiser, várias lojas on-line também estão vendendo, assim como o e-bay, que eu acho bem melhor e mesmo com o shipping deve sair mais barato.

Resenha: Lápis Avon Mega Impact

Como faz muito tempo que eu não faço nenhuma resenha e acabei de comprar uns produtinhos novos da Avon decidi mostrar esse delineador Mega Impact que eu comprei por indicação de uma amiga. Eu comprei achando que fosse um lápis normal que durava bastante, mas ele é realmente bem diferente, inclusive na hora de passar. Ele tem a ponta bem molinha (é tipo um gel) e tem que ter bastante cuidado pra passar. Como dá pra ver nas fotos eu ainda não me acostumei ele, porque você vai passando e ele meio que vai desmanchando e gruda um pouco nos cílios na parte de baixo dos olhos.

mega impactt

Eu passei o lápis as 11 da manhã e essa foto da esquerda foi tirada às 18h. Então, no quesito duração ele passa MUITO bem.

mega impact 3

Ele é realmente muuito preto! Tanto que parece até que meus olhos ficam mais claros pelo contraste que ele dá.

mega impact2

Na foto acima dá pra ver a pontinha dele meio ‘comidinha’, né? Vamos ver se com o tempo eu vou me acostumando… Porque de longe ele realmente fica lindo! O problema é que gruda tudo na parte de baixo. Não sei se foi só comigo que aconteceu isso e se depois de um tempo vai acostumando e ele fica mais legal de passar.

mega impact4

Ó os borradinhos ali. Mas pelo pretão que ele oferece, acho que vale a pena investir nesse lápis sim.

mega impact5

Pedi no livrinho no mês passado e paguei R$17,00, o que é um preço bem digno. Mas como a marca sempre tem umas promoções eu tava pesquisando e ele já chegou a custar R$13 e pouco. Olha, pra quem gosta desse efeito lápis REALMENTE preto eu indico, de verdade. Como eu disse antes, hoje foi o primeiro dia que eu usei, pode ser que depois vá ficando mais fácil pra passar. Mas mesmo assim eu já gostei.

Maquiagem

batom tracta

Nada melhor do que começar o ano usando maquiagem nova, né? A resenha de hoje, como prometido, é do batom Venus HD da Tracta. Pra quem quer fugir das cores de sempre, ele é uma ótima pedida. O batom é um roxinho não muito escuro com um fundo azul.

batom copy

Como mostrar exatamente a cor de um batom por fotos não é lá a coisa mais fácil do mundo, eu tirei várias com várias luzes pra vocês tentarem enxergar como ele é lindinho. Além disso, ele tem um cheiro super gostoso!

batom2 copy

Nessa foto dá pra ver bem o fundinho azul que ele tem.

batom flASH

Nessa com flash ele ficou mais puxado pro rosa, mas ele é roxinho.

batom 6

Como eu sei que vocês adoram comparações com outras marcas, principalmente com as caras, o Venus é bem parecido com o Up The Amp da MAC. Os dois são cremosos e pigmentados.

batom 5

batom 4

Essa é a foto que melhor dá pra ver a cor que ele realmente é. Não é aquele roxo super cheguei e nem um lilás, eu diria que ele é um roxo médio e é super usável. Eu já usei duas vezes e gostei bastante da pigmentação dele. Não é aquele batom que você passa, sai, come e bebe e ele fica intacto, tem que dar uma retocadinha, como a maioria dos batons, mas ele é cremoso e ainda hidrata os lábios.

Agora vamos ao preço e onde comprar, que eu sei que isso que vocês queriam desde o começo do post, né? Eu paguei R$22,00, mas não comprei em Curitiba, então não sei aonde tem na cidade. Tem pra vender aquiaqui e na loja online da marca, que tem o menor preço.

Eu nunca tinha usado nada da marca e quero comprar mais coisas! É um preço parecido com o da linha Intense d’O Boticário e vale muito a pena! Aprovadíssimo.